Entenda quais são os principais parâmetros para medir o sucesso no streaming

De que maneira podemos considerar que um serviço de streaming é um sucesso? Do ponto de vista do espectador existem múltiplas formas de se analisar essa questão, e na maioria das vezes elas são subjetivas. Qualidade do conteúdo e quantidade de produções disponíveis, por exemplo, são algumas delas.

Entretanto, do ponto de vista de um serviço de streaming, existem outras métricas a serem consideradas. Elas dizem respeito muito mais ao número de usuários ativos e ao tempo que eles passam conectados à plataforma. Um indicador de sucesso é perceber que seus clientes passam muito tempo assistindo aos conteúdos que você disponibiliza, por exemplo.

Vamos conhecer quais são as principais métricas utilizadas pelos serviços de streaming, para entender se as coisas estão indo bem ou não.

Usuários únicos

Essa é a métrica mais simples e mais óbvia de todas: quanto maior o número de usuários, maior será o sucesso de um serviço de streaming. Entretanto, a partir dessa métrica, outros indicadores também podem ser avaliados. Por exemplo, se um serviço tem versões gratuitas e pagas, o número de assinantes pagantes é um diferencial.

Outra possibilidade é a de dividir os usuários em ativos e não ativos. Ou seja, um streaming que tem mais usuários ativos, pagantes e que consomem o conteúdo da plataforma todos os dias, provavelmente pode ser considerado mais bem-sucedido do que outros com mais assinantes, mas que pouco interagem com a programação.

Tempo de reprodução

Essa métrica diz respeito a quanto tempo os usuários passam reproduzindo conteúdo no serviço. Um filme ou série que some mil horas de reprodução, por exemplo, é mais popular do que outro que acumula 500 horas no mesmo período. Há ainda que se levar em consideração alguns parâmetros, como o tempo de duração de um programa, para que isso não influencie o comparativo.

Filmes costumam ter entre 1h30 e 2h30 de duração, enquanto séries, somando todos os episódios e temporadas, podem passar de 20 ou 30 horas – o que indica que naturalmente elas acumularão mais tempo. Aliás, esse é mais um indicativo do motivo pelo qual as séries são as produções preferidas dos serviços de streaming, pois elas auxiliam a aumentar esses índices.

o tempo de reprodução é considerado um parâmetro de sucesso para os serviços de streaming

Visualizações ou reproduções

Essa métrica diz respeito à relação entre o número de usuários que visualizou ou reproduziu um determinado conteúdo por um tempo específico. Não há um padrão nesse sentido, e cada serviço de streaming utiliza a sua própria métrica. Por exemplo, pode ser contabilizado que a cada reprodução por no mínimo 3 minutos será contada uma visualização.

A ideia aqui é entender quantas pessoas se sentiram atraídas por um determinado conteúdo, independentemente de o terem assistido até o final. Note que não há julgamento de valor aqui: os motivos que levaram alguém a não continuar assistindo a uma produção são inúmeros, e devem ser considerados em outra métrica.

Nível de interação (engajamento)

O engajamento é calculado a partir da interação do usuário com um conteúdo, e a sua relação com ele até mesmo fora da plataforma de streaming. Quando assistimos a uma série e comentamos sobre ela nas redes sociais, como Facebook, Twitter ou Instagram, isso indica que estamos engajados com aquele conteúdo.

As empresas de streaming utilizam diversas métricas para calcular o engajamento, inclusive avaliando se as menções a um conteúdo são positivas ou negativas. Essa é uma das avaliações mais importantes que se pode fazer, pois conteúdos de sucesso, ou com alto poder de engajamento, tendem a atrair novos usuários para um serviço, ou mesmo reter aqueles que já são assinantes.

…..

Como você pôde ver, existem diversas maneiras de avaliar se um serviço de streaming é bem-sucedido ou não. Em geral, as empresas não utilizam apenas uma métrica, mas sim várias delas de forma simultânea. As estratégias de produção e licenciamento de conteúdo levam em consideração a possibilidade de ampliar alguns desses índices.

Por isso, não se deixe levar apenas pelas impressões do público sobre um determinado conteúdo. Sejam elas positivas ou negativas, isso não significa que, do ponto de vista da estratégia do produtor de conteúdo, elas não sejam um sucesso.

Se você busca formas de retenção de clientes e adição de valor agregado a um serviço, oferecer conteúdos em streaming pode ser uma das melhores maneiras de atingir esses resultados.

A Watch Brasil é o maior e melhor Hub de Conteúdo do mercado, e oferecendo nosso serviço como adicional, você oferece também experiência para os seus usuários. São mais de 11.000 horas de conteúdo para toda família.

Nossos provedores parceiros saem na frente da concorrência, com a possibilidade de se equiparar a grandes operadoras.

Já estamos presentes em 26 estados brasileiros e no Distrito Federal. O que você está esperando para garantir sua parceria também?

Veja também