O que é OTDR e como funciona? Por que investir?

Você é um provedor de internet local? Então, conheça e entenda como funciona o OTDR e como investir na sua empresa!

Não sabe o que é OTDR ou não entende qual a sua importância? Então continue a sua leitura e saiba como ele pode beneficiar seus negócios. 

Em primeiro lugar, é necessário falar sobre o mercado dos provedores de internet  em si. Ele vem se mostrando cada vez mais competitivo. Além da banda larga tradicional, também existe a fibra óptica, uma das tecnologias mais importantes quando falamos em qualidade de internet.

Por que a fibra óptica é tão importante?

Ela se trata de uma opção de conexão que permite alta velocidade de transmissão de dados, voz e imagens, com uma ótima estabilidade e com baixa, ou quase nula, interferência.

A fibra óptica tem conquistado cada vez mais os usuários, dessa forma, os provedores precisam oferecer essa nova forma de conexão. 

Para auxiliar na melhor entrega possível para seus clientes, os provedores que já trabalham com a fibra óptica precisam identificar quaisquer possíveis falhas para garantir a melhor qualidade e funcionamento da rede. 

Uma das principais ferramentas para agilizar o processo de manutenção da fibra óptica é o OTDR (Optical time-domain reflectometer).

Em tradução, O Reflectômetro Óptico no Domínio do Tempo (OTDR), é um instrumento de medição. O OTDR pode realizar a validação de uma rede ou mesmo identificar um total rompimento no cabo óptico. Sua principal função é testar a rede e localizar possíveis problemas. 

Dessa forma, ele funciona de forma semelhante aos atuais aplicativos de localização dos smartphones que conseguem detectar trechos de engarrafamento no caminho, oferecendo uma rota alternativa. Ou seja, um Waze para a administração da sua internet. 

Tudo isso acontece em questão de segundos: o OTDR faz um rastreamento da rede e indica o local exato dos defeitos ou rompimentos. Por essa razão, o OTDR é uma ferramenta essencial para que os provedores locais possam garantir a qualidade do serviço de fibra óptica.

Como funciona o OTDR?

Para conseguir definir e localizar os problemas na rede de transmissão óptica, a ferramenta OTDR faz uso do princípio da dispersão de Rayleigh. Ou seja, trabalha através da dispersão da luz por partículas muito menores que o comprimento de ondas dos fótons dispersados e ocorre quando a luz viaja por sólidos ou líquidos transparentes. 

De forma resumida, esse princípio trata da dispersão da luz quando ocorre mudança no índice de refração. Dessa forma, o OTDR emite então uma luz que é refletida de volta para o equipamento e pelo momento exato que essa reflexão é recebida, o aparelho consegue calcular o valor da atenuação do cabo óptico.

Montando um acesso em apenas uma das extremidades do cabo óptico, o aparelho pode fazer diversas medições e verificar uma série de fatores, como determinar o tamanho total da fibra e até mesmo sua atenuação. 

Sem um OTDR o provedor precisaria mapear cada trecho do cabo até finalmente conseguir identificar onde está a falha – um processo que pode ser muito caro, além de demorado.

Existem outras formas de prevenir e identificar problemas de rede. Porém, atualmente, o OTDR é um dos aparelhos mais versáteis do mercado, que pode testar fibras até mesmo durante a sua instalação, fazendo uma leitura da rede e mostrando as perdas das emendas. E no futuro, para manutenções, poderá mostrar de forma precisa os pontos de defeitos ou rompimentos.

Tipos de OTDR

Existem dois tipos principais de OTDR e existem alguns parâmetros, além do seu nível de alcance, para analisar antes da escolha. Como por exemplo se o aparelho pode trabalhar com a fibra ativa ou apenas com a fibra sem sinal ou totalmente apagada.

Em uma ferramenta que trabalha com fibra ativa, não é necessário interromper o sinal para fazer os ajustes, mas podem ser aparelhos com um preço um pouco mais alto. Já no caso de aparelhos com fibra sem sinal é obrigatório que a rede esteja completamente desligada para poder realizar qualquer reparo.

Outros requisitos importantes são em relação a sua precisão. O aparelho precisa apresentar em testes, resultados semelhantes – em todas as vezes que acontecer a medição.

É importante também definir qual o tipo de fibra que precisará ser testada – multi modo, modo único ou ambos – e também o comprimento da fibra. Além disso, existe ainda o OTDR de bancada, que possui vários recursos e precisa de uma fonte de alimentação CA (corrente alternada) direta. E também o OTDR portátil, ou compacto, que é mais leve, com uma bateria conjunta – projetado para uso em campo.

Vantagens do OTDR

Usar o OTDR é muito vantajoso. Apenas ao certificar o OTDR à rede, ele já demanda um índice muito menor de reparação, reduzindo custos operacionais ao provedor.

Além disso, com o OTDR você poderá garantir a oferta de um serviço de alta qualidade para seus usuários. Afinal, a ferramenta indicará os locais exatos de falhas e defeitos, acelerando o processo de avaliação dos técnicos e diminuindo o tempo de reparo e manutenção.

Muitos provedores têm adotado a fibra óptica como uma opção para ampliar seus serviços de internet. Garantindo alta qualidade e atendendo um número cada vez maior de usuários na região. E com o OTDR você poderá melhorar ainda mais o seu serviço. 

Agora que você já sabe o que é OTDR, não deixe de investir nessa tecnologia. Afinal, quanto melhor o serviço prestado, mais clientes fiéis você terá! 

Pode ser do seu interesse – A importância do serviço adicionado para ISP’s

Veja também